Community Research and Development Information Service - CORDIS

Um mercado europeu para os serviços climáticos graças à investigação inovadora da UE

A União Europeia tem objetivos ambiciosos para reduzir a sua pegada de carbono e liderar o mundo na luta contínua contra o aquecimento global. Para garantir que a Europa tem os serviços, os instrumentos e os conhecimentos necessários para dar respostas eficazes às alterações climáticas e reforçar a sua resistência global, surge uma necessidade imperiosa de criar e desenvolver um mercado de serviços climáticos específico e bem-sucedido.
Um mercado europeu para os serviços climáticos graças à investigação inovadora da UE
As alterações climáticas continuam a ser um dos desafios mais prementes a nível mundial e a Comissão Europeia está empenhada numa ‘política climática virada para o futuro’ que consiga uma redução das emissões de combustíveis fósseis de 80 a 95 % até 2050 – e a sua completa eliminação até 2100 – e significativos esforços de adaptação da sociedade e da economia para que assim aconteça. Os serviços climáticos serão um componente significativo na criação de soluções e estratégias de adaptação eficazes. Enquanto setor relativamente novo e especializado, a Comissão Europeia, como reconheceu no seu Roteiro para os Serviços Climáticos, publicado em 2015 pela Direção-Geral da Investigação e da Inovação, crê que tem potencial para se tornar, na sua essência, um recurso fundamental e o conhecimento subjacente à transição para uma sociedade hipocarbónica e resistente às alterações climáticas.

O atual desafio premente para os serviços climáticos é analisar e divulgar informações sobre todos os impactos prováveis das alterações climáticas (em diferentes cenários) e dar respostas eficazes que reforcem a resistência das comunidades vulneráveis. A utilização dos melhores dados e conhecimentos climáticos disponíveis é essencial para criar instrumentos, produtos e serviços eficazes que irão desencadear inovação na área da adaptação, da atenuação e da redução do risco de catástrofe. Isso irá facultar um processo decisório mais racional e consciente, permitir uma abordagem mais vigorosa à gestão do risco, promover o desenvolvimento de um mercado para os serviços climáticos, criar postos de trabalho e dar uma contribuição positiva para o crescimento económico futuro e sustentável da Europa.

O presente Pacote de Resultados destaca quatro projetos pioneiros e inovadores financiados pelo sétimo programa-quadro da UE (PQ7) que têm induzido avanços significativos e estimulantes no desenvolvimento do mercado de serviços climáticos da Europa. Cada um dos quatro projetos contribui para o avanço do nosso conhecimento científico sobre a problemática das alterações climáticas e o papel que os seres humanos desempenham neste processo.Os sucessos dos projetos têm ajudado a colmatar algumas das muitas lacunas no nosso conhecimento coletivo e têm preparado o terreno para um setor florescente que continuará a ser patrocinado pela UE nos próximos anos através do atual e do futuro apoio à investigação no âmbito do programa Horizonte 2020 e outros mecanismos de financiamento pertinentes.
2017-05-16
Melhorar a previsão climática em escalas de tempo sazonal e decenal
Os investigadores financiados pela UE introduziram uma série de soluções consistentes para prever melhor as alterações climáticas em escalas de tempo sazonal e decenal.
2017-05-15
Avaliação dos riscos das alterações climáticas
Graças ao desenvolvimento de um conjunto de cenários coerentes do que se prevê num mundo em que as temperaturas continuam a subir, os investigadores financiados pela UE tornam mais...
2017-05-15
Preparação para a subida do nível do mar
Mesmo que as emissões de gases com efeito de estufa sejam reduzidas e as temperaturas globais estabilizem, o nível do mar continuará a subir durante vários séculos. A humanidade...
2017-05-15
Novos serviços climáticos para um processo decisório consciente
Os investigadores financiados pela UE colaboraram com as partes interessadas para desenvolver protótipos de serviços climáticos que satisfaçam as necessidades concretas dos...

Related Results Packs

2018-06-11
Heritage at Risk: EU research and innovation for a more resilient cultural heritage
Neglect, pollution, natural hazards and climate change are all playing their part in the damage to cultural heritage. This non-renewable resource, in all its diverse physical forms,...
Follow us on: RSS Facebook Twitter YouTube Managed by the EU Publications Office Top